Post fixo

Olha a Marmita!

Em tempos de crise econômica, moradores do Distrito Federal buscam fórmulas para ganhar dinheiro enquanto os trabalhadores formais tentam economizar como podem. Mas há uma mercadoria que o trabalhador não pode abrir mão: a comida. No centro de Brasília, funcionários da região buscam alternativas “boas e baratas”. Continuar lendo Olha a Marmita!

‘Olha o rapa’ o pavor dos ambulantes

No centro de Ceilândia, ilegais tentam garantir a sobrevivência Hudson Portella Uma venda aqui outra ali, faça sol ou faça chuva,  eles estão lá. Os vendedores ambulantes são marca registrada pelas calçadas do centro de Ceilândia – vendem de tudo e improvisam originalidade. As mercadorias são transportadas nos ombros, em  sacolas, caixas, isopor ou simplesmente nas mãos. O chão é transformado em vitrine  tudo para atrair clientes com preços tentadores. Apesar da  irreverência e habilidade, não escapam dos problemas: são alvos da fiscalização de órgãos do governo que combate a prática de ambulantes que comercializam produtos sem nota fiscal. Os … Continuar lendo ‘Olha o rapa’ o pavor dos ambulantes