Crônica: grilagem destrói sonhos

Suelen Oliveira

 

Pesadelo, invasão, desocupação, futuro destruído. Isso pode acontecer com você, se comprar terras de grileiros. A grilagem tem esse nome porque quando os grileiros falsificavam um documento de terras, eles o colocavam dentro de caixas com grilos para que os insetos estragassem o papel, assim eles pareciam velhos.

Cair no conto do grileiro não é tão difícil assim. Apresento a história do seu João que é analfabeto e só sabe contar. Trabalha desde que se entende por gente e não estudou. Seu pai achava mais importante trabalhar do que estudar. O cenário atual de muitas crianças brasileiras.

Nascido no interior de Minas Gerais, João tem treze irmãos. O pai era rígido e a única coisa que os ensinou foi o trabalho pesado da fazenda.

Na esperança de uma vida melhor mudou-se para a capital federal aos 20 anos depois de perder o pai para a depressão. Esperança era o que ele tinha de sobra. Chegando aqui fez o que sabia de melhor, trabalhar. Por anos guardou um pouco de dinheiro a cada mês. Não sabia ler, mas sabia contar. Todo mês, ao receber o pequeno salário, ia ao banco e deixava um “tiquinho”.

PARA MATÉRIA SUELLENPassados 23 anos ele realizou seu sonho de ter uma terrinha. Pegou todo o dinheiro guardado e com felicidade comprou seu sonho. Um terreno. Pequeno, em um setor de chácara. Com muita luta construiu uma casinha para enfim poder descansar.

Na paz de sua varanda, João recebe a visita de um oficial da justiça e a notícia que partiu seu coração. Nenhum centímetro de sua terra João podia chamar de seu. O documento do terreno era falso. Ele foi enganado.

Uma semana depois, ele viu seu sonho desabar. Vinte cinco anos de luta, uma semana para perder tudo.

Seu João foi enganado por alguém que destruiu seus sonhos, seu futuro e sua vida. Alguém que vendeu um pesadelo e desapareceu. Alguém que o enganou por sua ingenuidade. O tal grileiro.

 

Saiba mais: acesse o site vivasemgrilo.com.br e o Facebook da campanha. 

 

Foto de capa: Pedro Ventura/Agência Brasília